Serpros oferece segurança e solidez: panorama dos planos PS-I e PS-II

06/12/2018
Reunimos abaixo as principais informações dos planos PS-I e PS-II atualizadas em outubro/2018. Os dados mostram a robustez da entidade para honrar os compromissos com os participantes.
O Plano Serpro I, saldado desde 2013 e fechado para adesões, tem 2.081 participantes ativos e 3.893 assistidos, destes 72,39% estão recebendo aposentadoria; 11,30% recebendo aposentadoria por invalidez; 16,13% recebendo pensões e 0,18% o benefício de Auxílio-Doença. O PS-I acumula um patrimônio de cobertura de R$ 2,16 bilhões e, embora deficitário em R$ 119,26 milhões, está dentro da zona de equilíbrio técnico, de acordo com a Resolução CNPC 22/2015. Ou seja, não há necessidade de aumentos de contribuição e é possível que o déficit seja reduzido ou eliminado ao longo dos anos.
O Plano Serpro II tem 7.275 ativos e 696 assistidos. Destes, 71,70% estão recebendo benefício de aposentadoria; 11,35% a aposentadoria por invalidez; 14,94% recebendo pensões por morte e 2,01% estão em Auxílio-Doença.
A parcela de Benefício Definido, aquela instituída para atender as coberturas de risco dos participantes e assistidos, acumula um patrimônio de aproximadamente R$ 1,20 bilhões e superávit de R$ 295 milhões. A parcela de Contribuição Definida, relativa aos saldos de contas, está permanentemente equilibrada e varia com a rentabilidade, entrada de contribuições e pagamentos de benefícios e resgates. Essa parcela do PS-II encerrou o mês de outubro com um patrimônio de R$ 1,94 bilhões.

consulte Mais informação
serpros 6 de dezembro de 2018 0 Comentários

Vídeos orientam participantes inscritos no módulo APA 2018

18/07/2018
Estão disponíveis na página APA 2018 – Orientações Serpros, no site institucional, alguns vídeos com orientações sobre o Serviço de Atendimento ao Participante, como requerer a aposentadoria no Serpros, quais institutos os participantes têm direito a solicitar, além de mensagens de apoio aos participantes inscritos no módulo APA deste ano.
Para assistir, acesse a página no menu à direita do site. Lá você também encontra informações importantes sobre a aposentadoria complementar do Serpros.

consulte Mais informação
serpros 18 de julho de 2018 0 Comentários

Entenda a IN 1343

20/06/2018
Os participantes que estão próximos de se aposentar, e que contribuíram com os planos do Serpros entre 1989 e 1995, poderão abater da base de cálculo do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) os valores que a Receita Federal identificou como bitributação naquele período. O desconto foi regulamentado pela Instrução Normativa 1343/2013.
Para esclarecer, relacionamos abaixo algumas perguntas e respostas:
1) Me aposentei em 2013. Também tenho que retificar o IR?
Não. Para os participantes que se aposentaram a partir de janeiro de 2013, a norma já estava em vigor, ou seja, o Serpros começou a praticar a isenção na folha de benefício de setembro de 2013.
2) Me aposentei antes de 2008. Por que não tenho direito a receber?
De acordo com a IN 1343, o contribuinte tem, no máximo, cinco anos para fazer a retificação da declaração de ajuste anual do Imposto de Renda. Os que começaram a receber antes de 2008, ou seja, até dezembro de 2007, não se enquadram nas regras da referida instrução.
3) Quais os índices que foram usados para a atualização das contribuições?
Os referenciais usados são os seguintes, de acordo com o Art. 5º da IN 1343:
• Contribuições de janeiro de 1989: Índice de Preços ao Consumidor (IPC), no valor de 42,72%;
• Contribuições de fevereiro de 1989: IPC, no valor de 10,14%;
• Contribuições entre março de 1989 e fevereiro de 1990: Bônus do Tesouro Nacional (BTN);
• Contribuições entre março de 1990 e fevereiro de 1991: IPC;
• Contribuições entre março e novembro de 1991: Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC);
• Contribuições de dezembro de 1991: Índice de Preços ao Consumidor Ampliado (IPCA), série especial, conforme o § 2º do art. 2º da Lei nº 8,383, de 30 de dezembro de 1991;
• Contribuições de janeiro de 1992 até dezembro de 2000: Unidade Fiscal de Referência Mensal (UFIR);
• Contribuições a partir de janeiro de 2001: Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo Especial (IPCA-E).
4) As contribuições foram atualizadas até quando?
Para os participantes que se aposentaram entre os anos de 2008 e 2012, as contribuições foram atualizadas até o dia 31 de dezembro do ano em que começou a receber o benefício.
Já os que se aposentaram a partir de 2013, as contribuições serão corrigidas até o último dia do mês de início de recebimento do benefício e serão atualizadas mensalmente, até que não haja mais saldo para dedução.
5) Sou aposentado, posso deduzir as contribuições do total de rendimentos tributáveis, isto é, do Serpros e do INSS?
Não. As deduções só valem para rendimentos tributáveis pagos pelo Serpros.
6) Onde posso verificar o valor que tenho direito a utilizar para deduzir da base de cálculo do imposto de renda?
Acesse o site do Serpros, entre na Área Restrita e vá para Benefícios e Demonstrativo de Movimentação IN 1343.
7) Como a IN 1343 será aplicada ao me aposentar pelo Serpros?
Para benefício de aposentadoria:
O valor do saldo referente a IN 1343 será exaurido mensalmente, na proporção do valor do benefício bruto, até que se encerre. Nesse período o participante não terá desconto de imposto de renda.
Esse procedimento também será aplicado ao valor da parcela à vista (25%).
Ex: O participante tem um valor bruto de benefício de R$ 5.000,00, retirou uma parcela à vista de R$ 45.000,00 e o saldo de exaurimento é de R$ 60.000,00. Somando os valores do 1º benefício, será exaurido R$ 50.000,00, o participante não terá desconto de IR neste mês, restando R$ 10.000,00 para o mês seguinte.
No próximo mês (2º mês), será exaurido R$ 5.000,00 correspondente ao valor do benefício e não haverá desconto de IR, restando R$ 5.000,00 de saldo de exaurimento.
No 3º mês, será exaurido os R$ 5.000,00 restantes, o participante também não terá desconto de IR e o saldo de exaurimento é encerrado.
A partir do 4º mês, o participante terá desconto de IR normalmente.
 
Caso ainda haja alguma dúvida com relação à Instrução Normativa, o participante ou o aposentado podem entrar em contato com o Serpros por meio dos canais de atendimento: 0800 721 10 10 ou o sap@serpros.com.br .

consulte Mais informação
serpros 20 de junho de 2018 0 Comentários

Vídeo aborda como requerer institutos no Serpros

30/05/2018
Está disponível no site institucional um novo vídeo com o gerente de Benefícios e Atuarial, Orlando Orofino. O tema da vez são os institutos do Serpros: Autopatrocínio, Benefício Proporcional Diferido (BPD), Portabilidade e Resgate.
Acesse a página APA 2018 – Orientações Serpros e sabia mais sobre cada um, os requisitos para solicitar e como requerer.
Acompanhe também o Canal Direto com a Diretoria para assistir aos vídeos institucionais que trazem informações sobre os investimentos e a gestão da entidade.
Você pode enviar suas dúvidas para o e-mail serpros@serpros.com.br . Os assuntos mais buscados serão temas dos próximos vídeos e divulgados sempre às primeiras terças-feiras de cada mês.

consulte Mais informação
serpros 30 de maio de 2018 0 Comentários

Planos PS-I e PS-II: entenda a tributação de IR

30/05/2018
O desconto na Declaração de Ajuste Anual do Imposto de Renda das Pessoas Físicas gera dúvidas em muitos participantes que estão prestes a se aposentar. Principalmente porque a escolha da forma de tributação (regressiva ou progressiva) é feita durante a adesão ao plano, ou seja, muito tempo antes.
As regras de tributação dos planos de previdência complementar indicam que quem optou pelo regime regressivo e estiver recebendo o benefício não pode deduzir no Imposto de Renda. Aqueles que escolheram o regime progressivo pode realizar o ajuste na declaração anual.
A tabela abaixo traz as informações da tributação para imposto de renda em cada plano Serpros:
ps1_opcoes_desligamento
ps2_opcoes_desligamento

consulte Mais informação
serpros 30 de maio de 2018 0 Comentários

Aposentadoria Programada – Serpros Esclarece: publicação é atualizada

30/05/2018
A cartilha Aposentadoria Programada – Serpros Esclarece, disponível no site institucional, teve seu layout e conteúdo atualizados. Clique aqui para acessar.
A publicação foi desenvolvida a partir das principais dúvidas enviadas pelos participantes para o e-mail sap@serpros.com.br sobre a aposentadoria programada no Serpros e traz informações para quem é do PS-I ou do PS-II.
Quer saber quando receberá o seu primeiro benefício, tem dúvidas sobre sua contribuição enquanto assistido ou quais os requisitos para solicitar seu benefício? Acesse o site, no caminho Publicações >> Aposentadoria Programada – Serpros Esclarece.

consulte Mais informação
serpros 30 de maio de 2018 0 Comentários

Vídeo traz orientações sobre como requerer sua aposentadoria no Serpros

23/05/2018
O terceiro vídeo da campanha APA 2018 – Orientações Serpros está no ar. Nele, o gerente de Benefícios e Atuarial, Orlando Orofino, traz informações importantes para os participantes que irão requerer o benefício de aposentadoria no Serpros.
Orofino esclarece dúvidas tanto para quem é do PS-I como do PS-II, dentre as quais: a relação dos documentos necessários para fazer o requerimento, o prazo para envio, a data de pagamento do primeiro benefício e o período de reajustes.
Para assistir ao vídeo, basta acessar o site institucional e clicar na página APA 2018 – Orientações Serpros, à direita da tela, ou diretamente no link https://www.serpros.com.br/apa-2018-orientacoes-serpros .

consulte Mais informação
serpros 23 de maio de 2018 0 Comentários

Novos vídeos são publicados em apoio aos participantes inscritos nas APA

16/05/2018
Como parte das atividades do Serpros em apoio aos participantes inscritos no Módulo de Incentivo das Ações de Preparação para Aposentadoria (APA Serpro 2018), foram divulgados no site institucional dois novos vídeos: um deles apresenta a equipe de Relacionamento com Participantes e o outro traz o depoimento de um ex-empregado sobre sua opção pelo autopatrocínio.
Para assistir, acesse a página APA 2018 – Orientações Serpros, no menu à direita do site. Lá você também encontra informações importantes sobre a aposentadoria complementar do Serpros.

consulte Mais informação
serpros 16 de maio de 2018 0 Comentários

Tempo de Serviço: entenda o 'fator de especial'

11/04/2018
Ao preencher o formulário referente ao Tempo de Serviço na Área Restrita, é preciso informar a empresa ou órgão público onde trabalhou (fazer isso para cada organização), a data de admissão e de demissão, selecionar o documento que comprove essas informações e o Fator de Especial. Mas a que se refere esse termo?
Fator de Especial refere-se a quem tenha efetiva comprovação do exercício do trabalho em condições insalubres ou periculosas expostas aos agentes nocivos constantes na lei.
Vale ressaltar que é fundamental manter seus dados cadastrais em dia, pois caso as informações não estejam atualizadas, quando você fizer sua simulação de aposentadoria na Área Restrita, o cálculo da estimativa do benefício que receberá poderá não ser condizente com a sua expectativa de benefício.

consulte Mais informação
serpros 11 de abril de 2018 0 Comentários

Carta de concessão: imprescindível para sua aposentadoria complementar

11/04/2018
Para dar entrada no seu processo de aposentadoria no Serpros, é necessário enviar à entidade uma série de documentos. Dentre eles, a carta de concessão e memória de cálculo do INSS é fundamental.
O documento é emitido pelo INSS após a concessão de algum benefício previdenciário. Nele constam a forma de cálculo do valor do seu benefício, gerado pelo INSS, o seu tempo de serviço (em anos, meses e dias), além das informações relativas ao banco responsável pelo pagamento.
Por isso é importante manter esse documento em mãos e anexar aos demais na hora de requerer o seu benefício.
Em caso de dúvidas, entre em contato com o Serviço de Atendimento ao Participante: sap@serpros.com.br ou 0800 721 10 10.

consulte Mais informação
serpros 11 de abril de 2018 0 Comentários