Despesas judiciais X investimentos gravosos